Polícia Militar recupera gado furtado e conduz os envolvidos a Delegacia

Por volta das 09h00 da manhã de quinta-feira, um homem de 45 anos de idade proprietário de uma fazenda na região que dá acesso a Barragem do Rio Paranã, no município de Formosa, comunicou a policiais militares do Batalhão Rural, o furto de 07 cabeças de gado da raça Nelore.

De acordo com testemunhas, no dia 26 de dezembro foi visualizado um caminhão retirando o gado da fazenda. Diligências foram realizadas e os policiais localizaram um suspeito, um homem de 21 anos de idade, que à época do crime estava prestando serviço na propriedade.

Questionado, informou que havia, a pedido, transportado o gado para outra propriedade na mesma região. Imediatamente os policiais foram até o local onde encontraram o dono da fazenda, um homem de 64 anos.

Ele foi questionado e disse que os animais foram oferecidos pelo homem de 21 anos a quem pagou de boa fé a quantia de R$ 12.000,00 e que os animais já teriam sido vendidos para uma mulher na região de Vila Boa.

Nova diligência foi realizada na zona rural de Vila Boa, onde o gado foi localizado e apreendido. Todos os envolvidos foram apresentados na Delegacia assim como o gado recuperado. O conduzido de 21 anos possui passagem pelo crime de receptação.

A lei nº 13.330/2016, alterou os artigos 155 e 180 do Código Penal tipificando de forma mais gravosa o furto e a receptação de semoventes (animais) domesticáveis de produção, ainda que abatido ou em partes